Processo de Acolhimento na SaúdePowered by Rock Convert

Em tempos de transformação digital, a automação na saúde é fundamental para que a unidade de saúde funcione de forma ágil e integrada e, dessa forma, os pacientes recebam a assistência com segurança.

Mas, você sabe o que realmente significa a automação na saúde e a sua importância na assistência ao paciente?

Neste post, você vai entender o conceito da automação na saúde, a sua importância para uma gestão eficiente, além de conferir boas práticas na implementação de novas tecnologias no setor.

Continue conosco!

O que é automação na saúde?

As tecnologias emergentes possibilitam a otimização e melhorias nas atividades hospitalares. A sua implementação nas instituições do SUS é de extrema importância tanto para uma gestão eficiente, quanto para a segurança dos pacientes.

A utilização de inteligência artificial durante a assistência médica já é uma realidade em muitas unidades de saúde, principalmente no quesito da medicina diagnóstica, quando os algoritmos auxiliam o profissional de saúde de maneira otimizada e precisa.

Já na rotina administrativa, a automação na saúde permite que as atividades dos colaboradores sejam otimizadas e delegadas da melhor forma a evitar sobrecarga de trabalho.

Em resumo, a automação na saúde traz benefícios tanto para a instituição de saúde, quanto para os pacientes que recebem atendimento mais ágil, eficiente e seguro.

Contar com um sistema de gestão da saúde completo como o Hygia, além de melhorar os processos como vimos, também proporciona expressiva redução de custos, controle de insumos e medicamentos, além de permitir o gerenciamento de leitos, evitando assim, a superlotação.

Leia também: Software de saúde Hygia:  confira 5 vantagens  para pacientes e instituições

automacao-na-saude

Agora que sabemos como a automação na saúde funciona, conheça 3 boas práticas para melhorar a sua gestão por meio da tecnologia!

 Automação em saúde: Invista em sistemas integrados

Que a tecnologia facilita a gestão das unidades de saúde, não resta dúvidas. Porém, na hora de implementar os recursos nas instituições, ainda há barreiras que precisam ser ultrapassadas, como a mudança da mentalidade e cultura organizacional, por exemplo.

Estamos vivenciando a era digital. Prova disso, é que os padrões de consumo sofreram mudanças e a grande maioria dos processos são realizados através dos smartphones ou tablets, por exemplo.

Para uma gestão eficiente e controlada, investir em um software completo e robusto é fundamental.

O Hygia é um sistema de gestão da saúde pública que também possui versões voltadas a informatização de clínicas universitárias e módulos voltados ao agendamento de consultas.

Integrações com Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP), Central de Regulação, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), marcação de consultas e exames, são essenciais para uma assistência de qualidade e, sendo assim, é imprescindível contar com um software que possua as integrações unificadas, como o Hygia.

Leia também: Gestor da saúde: Desafios e características do cargo

Informatize a recepção

Com uma recepção informatizada, a experiência do paciente é otimizada, permitindo que o atendimento seja ágil. A informatização também proporciona redução de custos para a unidade de saúde do SUS.

Quando falamos em assistência humanizada, passamos longe do cenário de longas filas e superlotação da unidade de saúde que acarreta perigo tanto para os próprios pacientes, quanto para os colaboradores.

Entra em cena o Hygia Agendamentos, versão compacta e econômica para o agendamento de consultas e exames.

Este módulo pode ser integrado ao sistema de gestão de saúde já adotado nas unidades de atendimento de uma prefeitura ou município e garante que a população tenha acesso ao aplicativo Hora Marcada. Ou seja, todo o processo é realizado por meio do celular do próprio paciente.

Invista em Health Analytcs

Quando falamos em todo o processo de transformação digital, não podemos esquecer que milhares de dados são produzidos em curto espaço de tempo.

Sendo assim, utilizar as informações produzidas para melhorar os processos internos é uma excelente alternativa quando o assunto é gestão da saúde eficiente.

O termo Health Analytics é definido como um conjunto de metodologias utilizadas com a finalidade de analisar grandes volumes de dados (Big Data), relacionados ao setor de saúde.

Essa análise de dados contribui no cuidado clínico com o paciente e na gestão dos recursos de saúde.

Já para os gestores de saúde, a contribuição do Health Analytics está na redução de desperdícios, melhoria da qualidade dos serviços ofertados, além da produtividade do cuidado com a saúde dos beneficiários, de forma sustentável.

Quer conhecer todas as funcionalidades do Hygia, nosso sistema de gestão da saúde pública? Agende uma conversa com nossos especialistas e saiba como otimizar a automação na saúde.

Neste artigo você compreendeu o conceito de automação na saúde, a sua importância e conferiu três dicas para promover a inovação na sua instituição de saúde!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *