Processo de Acolhimento na SaúdePowered by Rock Convert

Desempenhar o papel de gestor da saúde requer competências analíticas, técnicas e financeiras dos profissionais, que, muitas vezes, também desempenham atividades médicas em paralelo.

O avanço da transformação digital na saúde, traz suas facilidades, porém também exige responsabilidade dobrada por parte dos gestores que além de dominar as tecnologias emergentes, ainda precisam estar preparados para a liderança e a gestão de pessoas.

O gestor da saúde é fundamental para o gerenciamento, coordenação e prestação de serviços de qualidade nas unidades de saúde, tanto do Sistema Único de Saúde (SUS), quanto da rede não pública.

Neste post, conheça esse cargo, suas características e desafios.

Continue a leitura!

Gestor da Saúde: Entenda seu papel

Ramo das ciências humanas, a gestão surgiu quando as pessoas buscavam solucionar problemas utilizando métodos disponíveis.

Os processos de implantação e gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) iniciaram em meados da década de 90, onde a saúde foi instituída como um direito universal e dever do Estado, de acordo com a Constituição Federal de 1988.

Pois bem. Inicialmente, a proposta do SUS era o estabelecimento de uma rede regionalizada e hierarquizada de serviços, de forma a garantir a assistência integral à população, visando também, a diminuição da fragmentação das ações em saúde.

No Sistema Único de Saúde, a gestão possui representantes do poder executivo, no âmbito das três esferas.

De acordo com a Norma Operacional Básica (NOB-SUS 01/1996), a gestão é definida como a responsabilidade de dirigir um sistema de saúde, que pode ser:

  • Unidade ou órgão de saúde
  • Ambulatório
  • Hospital
  • Instituto
  • Fundação

Entre outros.

Leia também: Experiência do paciente: Confira 5 dicas para melhorá-la!

O planejamento é a etapa primordial quando falamos em gestão.

É a partir dele que há a organização do trabalho, mapeamento de necessidades e prioridades, delegação de atividades, elaboração de planos de ação, além da realização de melhorias contínuas dos processos.

No setor da saúde, o gestor precisa atender três dimensões em suas atividades:

1- Dimensão política que se relaciona com a finalidade do trabalho;
2- Dimensão organizacional que induz a organização do processo gerencial;
3- Técnica que se relaciona à prática com o monitoramento e avaliação do trabalho.

Leia também: Gestor Hospitalar: Conheça 5 livros indispensáveis para quem atua na área!

gestor da saúde

Características de um Gestor da Saúde

Como dissemos anteriormente, exercer o cargo de gestor da saúde exige muita disciplina, principalmente aos profissionais que também exercem a medicina paralelamente.

Embora, o setor seja diferente, as características de um gestor da saúde são parecidas com as dos gestores de outras áreas.

Isso ocorre pelo simples fato de o resultado final ser o mesmo em ambas as situações de organizações públicas ou privadas: A administração eficiente.

É necessário que o profissional tenha uma visão tática de acordo com o planejamento estratégico da instituição e de forma clara e objetiva.

Leia também: Transformação digital na saúde: Como adotar os 3P’s?

Um dos seus principais papéis é proporcionar a liderança local, além de ser o principal agente de articulação, promoção e melhoria nos serviços de saúde prestados à população.

Conheça, a seguir, mais algumas características pertinentes ao gestor da saúde:

  • Facilidade de trabalhar em situações de natureza emergencial
  • Alto nível de especialização
  • Facilidade e precisão em tomadas de decisões rápidas
  • Realização da definição e mensuração dos resultados

Os profissionais que integram o setor administrativo da instituição, principalmente os gestores, são responsáveis pelo controle e distribuição de recursos financeiros na instituição.

Por isso, é fundamental que haja facilidade no manuseio de novas tecnologias que auxiliam e tornam as tomadas de decisões mais assertivas

Quais são as atribuições do cargo?

Agora que sabemos a importância de um gestor nas unidades de saúde e conhecemos as características desse profissional, vamos conhecer as principais atribuições do cargo!

Dentre elas, estão:

  • Assumir responsabilidades pela estrutura física da instituição de saúde
  • Integração entre equipes
  • Acompanhamento de atividades
  • Monitoramento de indicadores e metas pactuadas
  • Mediação de possíveis conflitos
  • Licitações e negociações
  • Gestão estratégica

Entre outras.

Contar com uma ferramenta de gestão da saúde, robusta e completa como o Hygia, é uma excelente alternativa para o gestor cumprir o seu compromisso de prestar serviços de qualidade e excelência na esfera da saúde pública.

Acesse nosso site e conheça todas as funcionalidades da solução!

Neste artigo abordamos a importância do gestor da saúde nas instituições de atendimentos médicos, além de mostrarmos as principais características e competências. Gostou deste conteúdo? Então compartilhe em suas redes sociais!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *